Entrevista - exercícios em baixas temperaturas

No dia 28/08/2014 foi veículada uma matéria no portal Via Saúde sobre exercícios em baixas temperaturas na qual sou um dos colaboradores. Envio abaixo a entrevista completa e o link para a página onde foi publicada.

 

1. Quais os principais cuidados que a pessoa precisa ter ao praticar exercício em dias muito frios? 

R: No frio o risco cardiovascular é mais elevado. A circulação fica dificultada pela vasoconstrição (os vasos sanguíneos ficam mais contraídos, dificultando a passagem de sangue e a conseqüente oxigenação dos órgãos), por isso a pessoa deve fazer um aquecimento gradual prévio à atividade que irá realizar. Cardiopatas e hipertensos devem ter cuidado redobrado. Também há a preocupação de se agasalhar bem ao final do treino, pois logo após o término do exercício ficamos com a imunidade mais baixa, e é fundamental protegermos o corpo da friagem. A hidratação também é muito importante devido ao clima seco, comum nesta época do ano. Este clima seco, combinado às baixas temperaturas, pode ocasionar problemas às vias respiratórias, por isso devemos sempre procurar inspirar o ar pelo nariz, e não pela boca, para trazer ele um pouco mais aquecido e filtrado para os pulmões.

 

2. Qual preparação a pessoa que vai se exercitar no frio deve fazer?

R: A pessoa que irá se exercitar no frio deve utilizar roupa adequada, realizar um bom aquecimento e, de preferência, realizar as atividades em ambiente mais protegido do vento e da chuva. Devemos nos hidratar ainda mais, pois mesmo transpirando menos e sentindo menos vontade de beber água as células precisam manter seu estado euhidratado.

 

3. O corpo precisa de mais aquecimento para evitar lesões? 

R: Sim. É necessário um foco maior no aquecimento para elevar a temperatura corporal e lubrificar bem as articulações antes da realização de movimentos mais intensos como o levantamento de peso e a corrida, minimizando assim o risco de lesões musculares e articulares. O aquecimento no inverno deve ser um pouco mais duradouro que no verão. Em média, de 10 a 15 minutos são suficientes para preparar o corpo para a atividade em dias mais frios.

 

4. Qual a roupa mais indicada para treinar no frio? 

R: No frio devemos proteger bem as extremidades (pés, mãos, cabeça e orelhas), e utilizar uma roupa que ao mesmo tempo seja confortável e proteja do frio. Devemos evitar roupas muito pesadas, que impedem a troca de calor com o ambiente. O ideal é utilizar camiseta e bermuda térmica por baixo e calça e blusa que dificulte a entrada de ar por cima, mas que seja fácil de tirar assim que o praticante sentir calor com o início da atividade.

 

5. O alongamento deve ser o mesmo de todos os dias ou é preciso tomar mais cuidado? 

R: O praticante deve tomar muito cuidado com o alongamento nos dias mais frios. Não se deve alongar a musculatura sem antes fazer um aquecimento prévio, pois os músculos estão naturalmente mais contraídos, e um alongamento brusco pode provocar um estiramento na musculatura, ocasionando muita dor. O ideal é fazer um aquecimento prévio para depois realizar um alongamento dinâmico para a realização de atividades de resistência muscular. Se a atividade a ser realizada exigir força máxima, o alongamento prévio deve ser evitado sob risco de diminuição da performance. Ao final da atividade deve-se realizar um alongamento mais leve, recuperativo, para relaxar a musculatura.

 

6. É preciso fazer um aquecimento? Que tipo de exercício é indicado para aquecer os músculos?

R: Devemos sempre fazer um bom aquecimento antes de qualquer atividade física, ainda mais nos dias mais frios. O ideal é fazermos um aquecimento geral (caminhada ou trote leve) para elevar a temperatura corporal, e posteriormente um aquecimento específico à tarefa que será realizada (por exemplo, num treino de musculação realizar movimentos com cargas mais leves antes de utilizar cargas máximas nas séries). Desta maneira teremos um bom aquecimento para começarmos a atividade principal, minimizando os riscos de sofrermos lesões.

 

7.  Existe algum benefício em se exercitar no frio? Qual?

R: No frio, o corpo eleva seu metabolismo para manter-se aquecido. Desta forma, gastamos mais calorias, mesmo em repouso. Quando realizamos o exercício, esse gasto energético é potencializado, e o resultado é uma ótima queima de gordura! Mas devemos tomar cuidado com o que comemos, senão todas as calorias que gastamos são recuperadas por meio de alimentos pouco saudáveis.

 

8. No frio é comum que as pessoas não se animem para fazer exercícios. Que dicas podemos dar para que a pessoa fique mais disposta?

R: A tendência no frio é ficarmos mais dentro de casa e ingerirmos maior quantidade de alimentos, principalmente os gordurosos. É uma tendência natural do corpo para se proteger do frio e estocar gordura. A dica é procurar uma atividade que possa ser realizada dentro de casa mesmo, com o auxilio de um personal trainer, ou em ambientes climatizados como uma academia ou piscina aquecida, tornando assim a atividade física mais agradável. Devemos lembrar que nosso corpo precisa de atividade física sempre, e não somente no verão. Se a pessoa estiver com dificuldade para se animar a fazer os exercícios no inverno, um bom argumento para sair da cama é o fato de queimarmos maior quantidade de calorias, assim, quando chegarmos na primavera, a pessoa não precisará esconder o corpo e correr atrás do prejuízo!

 

http://www.programaviasaude.com.br/dicas/atividade-fisica/evite-que-o-frio-e-o-ar-seco-atrapalhem-o-seu-rendimento-nos-esportes